Isabel Nobre

Portais pra um espaço-tempo que congelaram

Isabel Nobre

Retratos Femininos no Poço da Draga

  1. Poço da Draga, também conhecido como Baixa Pau, é uma comunidade baixa renda localizada nos limites entre o Centro e a Praia de Iracema
    (próximo à Indústria Naval do Ceará ­ Inace), em Fortaleza­Ce. O Poço da Draga foi crescendo a partir do porto, começou a ser povoado em 1906.
    Ao longo de sua história, a dimensão de liminaridade do bairro parece recorrente. A moradia e o lazer, o noturno e o diurno, o passado demonstrado nas edificações corroídas e as ameaças recentes de novos investimentos comerciais pairam como alerta à tranqüilidade dos moradores. Nesse contexto, vivem mulheres, cada uma com uma trajetória única e subjetividade latente, independente se jovem ou já idosa. Como a “macro sociedade”, essa “micro sociedade” do poço da draga, também paira um machismo constante e visível, sentido inclusive por mim, que nessa comunidade faço pesquisa como antropóloga. Pensando em qual a expectativa de mundo, aspirações, dessas mulheres, em lugar um como o Poço, decidi tentar mostrar ao mundo como eu as vejo: Pessoas muito interessantes com um sensível latente, e que tem toda uma trajetória que fala por elas em seus gestos e olhares.

Up Next:

Performance